COMO MELHORAR O ENGAJAMENTO NAS REDES SOCIAIS DA SUA EMPRESA

É cada vez mais evidente que as redes sociais não são ferramentas exclusivas para influenciadores digitais. O trabalho, constante e consistente nas redes sociais deve ser incorporado no rol de prioridades das empresas.

O engajamento do conteúdo online, além de aumentar o alcance e visibilidade da empresa, é capaz de convencer os consumidores. Isso é possível através de ferramentas da comunicação, influenciar pessoas, seus comportamentos e suas decisões de compras.

Nessa perspectiva, vamos esclarecer neste post como gerar engajamento nas redes sociais e qual sua relevância para trazer retornos financeiros para as empresas.

O que é engajamento nas redes sociais?

O conceito de engajamento baseia-se na interação e influência que uma conta de rede social, seja pessoa física ou jurídica, tem com seus seguidores.

Isto quer dizer, o engajamento reflete as ações e envolvimento com a audiência, gerando consequentemente resultados positivos. Por isso, as interações dos seguidores com relação ao alcance obtido nas redes têm que ser compatíveis.

De forma clara, podemos dizer que um bom engajamento nas redes sociais significa que os seguidores estão interagindo com você através de comentários nas postagens, compartilhando seu conteúdo, menções, mensagens privadas (inbox, direct), alta visualização de seus stories, vídeos e fotos publicadas.

A relevância do engajamento para empresas

Segundo o site Meio e Mensagem, 60% dos consumidores têm o primeiro contato com uma marca através do digital.

Uma empresa que se dedica à produção de conteúdo e às ações de engajamento de suas redes sociais, demonstra que está atualizada e acompanhando o fluxo natural do mercado digital. Independente do ramo da empresa de produtos ou serviços.

O engajamento nas redes sociais é uma métrica utilizada (e muito importante) para medir a relevância de seu conteúdo para sua audiência, se está agradando ou não.

Por isso a compra de seguidores não é benéfica para quem deseja expandir seu negócio nas redes sociais de forma orgânica, construindo autoridade e popularidade. Uma vez que os números não são primordiais frente a interação que os seguidores têm com a marca, por direct, comentário, post salvos e compartilhamentos.

Crie conteúdo relevante

Diariamente, a todo instante, somos atingidos por inúmeros tipos de conteúdo. Por isso, para se destacar da concorrência, é indispensável criar conteúdo relevante para sua audiência. Isto quer dizer que, a produção de conteúdo deve atingir positivamente seus seguidores.

Para saber o que tipo de informação seu público está buscando, crie uma boa interação com ele, questione, aceite críticas e sugestões. Tenha um branding bem construído, mas não se limite ao tipo de conteúdo apenas que sua empresa deseja produzir.

Busque se diferenciar da concorrência, produzindo conteúdo de qualidade (com boas referências) arrematado com sua marca registrada.

Conheça seu público e diferencie a linguagem para cada rede

O meio digital é formado por várias culturas, em que cada rede constitui sua identidade própria, com linguagem e comportamentos únicos.

Desta maneira, cabe entender qual é o seu público-alvo e em qual rede ele se concentra.

Em sua maioria, o brasileiro interage bastante com o Facebook. A produção de textos e vídeos pode gerar uma taxa de engajamento benéfica para a rede social de sua empresa.

Entretanto, caso seu público predominante seja a geração Z (nascidos entre 1995 a 2015), o Tik Tok é muito utilizado por esses jovens. No Tik Tok, por meio de vídeos de qualidade, editados e com conteúdos bem criativos, é possível divulgar sua marca, produto ou serviço com alto alcance e visibilidade.

Já se você deseja saber como aumentar o alcance no Instagram é muito interessante usar as ferramentas que o aplicativo disponibiliza, como Insta Stories, Reels, posts convencionais. No entanto, mais uma vez, é importante saber como interagir no Instagram, ou seja, como seu público se comunica com essa rede.

Se questione, sua marca é voltada para o mercado nacional ou internacional? Por exemplo: os brasileiros preferem stories dinâmicos, menos conceituais, mais interação em tempo real.

Por fim, o LinkedIn é uma rede voltada para o mercado de trabalho, para encontrar vagas de emprego e estabelecer vínculos profissionais. Elaborar artigos de qualidade, investir em networking e criar conexões com diferentes profissionais de outras áreas, pode aprimorar o engajamento para sua empresa.

Através dessa rede, os usuários poderão conhecer melhor sua empresa, produto ou serviço, e também sobre os valores e posicionamentos da empresa. Ademais, é possível filtrar o conteúdo para interagir a persona de sua marca.

Diversifique suas redes

A empresa, ao diversificar suas redes sociais, consegue amplificar seu alcance e se comunicar com seu público-alvo em diferentes meios digitais.

Compreendemos que o dinamismo digital promove incertezas quanto ao uso e desuso de certas ferramentas, por isso manter ativamente várias redes comunicando constantemente com seu público consumidor preserva que sua marca caia no esquecimento das pessoas.

No entanto, caso não seja possível para a empresa manter engajamento em várias redes sociais, o ideal é definir uma (1) principal e construir com muito esmero seu conteúdo online.

A interação com sua audiência deve ser genuína e humanizada, evitando conflitos com exposições preconceituosas, racistas e envolvimento em polêmicas. O engajamento deve ser ávido e, o cuidado com a linguagem e tom de fala é essencial.

Por vezes, uma rede fortemente engajada vale muito mais que várias contas ativas com pouca interação com os usuários. Por isso, é indispensável se dedicar efetivamente, com constância e melhorias periódicas.

Ative gatilhos mentais

Uma das ferramentas utilizadas para quem deseja saber como influenciar pessoas e melhorar o engajamento é a utilização de gatilhos mentais.

Gatilhos mentais são mecanismos psíquicos utilizados para auxiliar e influenciar a tomada de decisões das pessoas. São frequentemente usados como técnicas de persuasão em vendas, apresentações em público e marketing digital.

Alguns exemplos: gatilho mental da segurança, gatilho mental da razão, gatilho mental da prova social, gatilho mental da autoridade, gatilho mental da reciprocidade, gatilho mental da afinidade, gatilho mental da escassez, gatilho mental da familiaridade.

  • Gatilho mental da prova social: as pessoas que compraram e aprovaram seu produto ou serviço, provam aquilo como referência e/ou popular, evidenciando que aquele produto é bom
  • Gatilho mental da familiaridade: quanto mais repetido tenho a ideia ou mensagem, maior a tendência para gostar daquilo, pois se torna familiar para mim, e isso transforma a imagem positivamente.
  • Gatilho mental da escassez: consiste em incitar nas pessoas a sensação de perda. Dessa forma, com medo de ficar sem um produto ou serviço, o cliente efetiva a compra.

Para ativar esses gatilhos mentais para vendas, é preciso introduzi-los de forma discreta, naturalmente no conteúdo online, para que este seja estimulado nas decisões que tomamos de forma inconsciente.

Conclusão

Para finalizar, lembre-se que influenciar pessoas nas redes sociais requer tempo, constância, autenticidade, construção de autoridade e humanização.

Para trazer retornos positivos em vendas, a empresa precisa aproximar ao máximo sua audiência de seus valores e posicionamentos.Investir em uma empresa de conteúdo como a Sapiens, é essencial para ajudar a criar estratégias e retornos positivos de como aumentar o engajamento de suas redes sociais.

Rolar para cima